E no fim disto tudo vou queixar-me da oportunidade literária perdida que promovi, ao não registar em diário ou em blogue os principais momentos dos dias deste “Inverno do nosso confinamento”.